domingo, 5 de fevereiro de 2017

Um bar,uma lar para morar e uma moça..

Sinceramente eu nunca me encaixei neste mundo,estive sempre tão perdida em minhas fantasias, que nunca saíram dos meus meros textos românticos e repletos de sonhos tão distantes aos meus olhos..

Agora o relógio bate exatos 6:53 da manhã,o trem mostra a fora um céu quase claro apesar das nuvens que insistem em deixá-lo cinza..assim como encontra se minha mente no momento.

Um típico começo de domingo onde minhas pernas formigam após longas caminhadas  da noite que se passou,e o estômago implora por um café quente após alguns  goles amargos de puro álcool. 

Mais uma madrugada em vão? não diria isto..quem não gosta de sair da rotina de vez em quando?

Tudo bem,confessarei que eu não procurava somente diversão..mas preferia distrair minha mente por algumas horas se quer que fosse,ao invés de passar a madrugada toda de olhos abertos esperando alguma mensagem sua..que obviamente jamais viria.

E eu sorri por ter escolhido as ruas geladas do inverno ao invés de cama que protegeria me do frio,mas jamais da vontade de correr atrás de ti.

Não..eu sabia desde o momento que decidi passar a noite fora,que isso jamais resolveria o meu problema..isto tornou se literal quando com o corpo cansado de dançar as 4 da manhã,procurei uma cadeira vazia para sentar me.

Eu ri enquanto observei uma amiga gargalhar de qualquer coisa,levemente alterada pelo álcool..resolvi bebericar mais um pouco daquela bebida doce que havia agradado meu paladar..suspirei.

Assim que abri a bolsa para apenas checar o horário pelo celular e resolvi responder a uma mensagem..dei me por conta e meus dedos já clicaram automaticamente em seu perfil..será que você permanecia sem dormir?  

Admirando as fotos daquela  garota que tanto tira te do sério..ou planejando sair com seus amigos,pensando em seus próximos planos..mas nunca em mim.

 Seria sempre assim não é mesmo?meu corpo poderiam estar em todos os lugares,mas minha mente estaria sempre em você.

" Não importa onde estamos,nossa mente é nosso lar " 

Então essa seria a resposta para minhas inúmeras pergunta?

Minha mente queria morar em ti,meu coração fazer te de porto seguro,o corpo sentir se aquecido em seus braços,assim como quem chega feliz após um longo dia para finalmente sentir o calor de estar em casa? 

Mas eu sei..jamais teria tudo isto de ti.
Minhas vontades eu não consigo entender,porque eu quero fazer de lar alguém que me trataria como um bar?

Onde você procura diversão temporária no final de semana..mas que jamais permaneceria  sempre por perto,pois não possui o mesmo ar caloroso de um verdadeiro lar.

Eu queria poder educar meus sentimentos que parecem ter  vida própria,ensinar a mim mesma a parar de perder tempo com coisas desnecessárias..mas tudo bem.

Sabe,ontem à noite eu contei sobre você a uma garota que havia acabado de conhecer..eu disse que não éramos nada,que você não se importa comigo nem tem interesse de conversar sobre tudo,para conhecer me mais a fundo..

que mesmo ainda sem ter tocado um dedo sequer em mim,seu principal interesse é o meu corpo.

Mas que apesar de tudo,eu não conseguia deixar me de se importar contigo..

disse a ela que eu estava exausta de continuar a mesma garota ingênua e cheia de sentimentos,que desejava às vezes ser  insensível e jogar brincadeiras em que somente o prazer importa,que infelizmente por mais que eu tentasse..não conseguia deixar de ser assim.

A morena dos olhos castanhos claros  me respondeu: 

" ainda bem que você é assim,não tente mudar..acredite em mim. Você estará melhor  assim "

Meus olhos juraram formar um ponto de interrogação..estava confusa e supresa,pois nunca havia escutado isto de alguém..todos sempre me disseram que com o tempo,eu aprenderia a sentir menos.

Ela então disse que a vida havia tirado sua essência,que não conseguia sentir nada mais e nem voltar a ser a mesma de anos atrás..sua vida girava em torno de um ciclo vicioso entre homens,amores falsos ,cigarro e bebida alcoólica,como uma forma aliviosa entre a mesmice da rotina.

Que ser alguém frio e sem sentimentos,nem sempre resolveriam meus problemas..talvez somente trouxesse mais encrencas ou tiraria um pouco das cores da vida. 

Suas confissões fizeram me refletir por bastante tempo..e pela primeira vez na vida eu agradeci por permanecer desta maneira..

que tudo bem..mesmo que você não se importasse comigo,a maneira como você conseguiu mexer comigo produziu 3 textos recheados de palavras sinceras,provou que sou atraente o suficiente para ter os olhos de quem eu quero sobre mim..e que eu devo me aceitar desta maneira mesmo..e não insistir tanto  em mudar. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário